[Resenha] O Senhor dos Anéis, de J. R. R. Tolkien

ArquivoExibir.aspxTítulo original: The Lord of the Rings

Autor: J. R. R. Tolkien

Tradutor(a): Lenita Maria Rímoli Esteves e Almiro Pisetta

Editora: Martins Fontes

Páginas: 1228

Sim, faz quase um mês que não posto nenhuma resenha, mas sabem o porquê disso? Porque eu simplesmente passei as últimas três semanas lendo essa belezura ali (na verdade, li ele em duas semanas mas eu digo três porque eu fiquei uma semana sem poder ler).

Bem, creio que a maioria já saiba como teve início uma das mais épicas trilogias já escrita na face da Terra.

Bilbo Bolseiro já estava completando 111 anos, e seu sobrinho, Frodo Bolseiro, escolhido como seu herdeiro, 33, o ano em que ele se tornaria adulto de acordo com a cultura dos hobbits. Ambos faziam aniversário no mesmo dia. Bilbo havia resolvido então fazer uma grande festa para comemorar esses dois eventos, mas o que ninguém esperava era que ele fosse desaparecer perto do final dela, fato que já havia sido planejado por ele. Ele queria férias, apesar de a idade não tê-lo atingido ele queria poder viver em outro lugar e viver em paz. Deixando a maioria de seus pertences com Frodo, incluindo o Um anel, apesar de Bilbo ter apresentado certa resistência.

Gandalf, que também esteve presente, disse a Frodo para guardar o Anel enquanto ele iria confirmar algumas coisas sobre o mesmo. Após já terem se passado quase vinte anos, tendo já feito outras visitas a Frodo durante esses anos, Gandalf volta e diz que Frodo deve partir quase imediatamente para Valfenda, a fim de decidir o que seria feito com o Anel. E assim, ele parte junto de Sam (Samwise Gamgi), Merry (Meriadoc Brandebuque) e Pippin (Peregrin Tûk).

Já em Valfenda, após terem passado por algumas dificuldades, na reunião em que decidiriam o destino do Anel, chegaram à conclusão de que ele deveria ser destruído.

wpid-2015-09-07-14-33-33_deco.jpg

Gente, não tenho palavras para descrever o quanto gostei desse livro. É uma narrativa totalmente original. Tolkien não só criou um mundo inteiramente novo como também línguas e culturas para todos os povos apresentados na estória. Além de várias canções, poemas, mapas, calendários e árvores genealógicas.

Tudo devidamente pensado e criado com maestria. Nem lembro quando foi a última vez que fiquei tão empolgada e “presa” a uma história tão magnífica como fiquei diante dessa. Além de ter um toque cômico em algumas partes.

– Desonesto é aquele que diz adeus quando a estrada escurece – disse Gimli.

– Talvez – disse Elrond -, mas não jure que caminhará no escuro aquele que não viu o cair da noite.

– Ainda assim, o juramento feito pode fortalecer o coração que treme – disse Gimli.

– Ou destruí-lo – disse Elrond. – Pág. 292 (não que esse seja um trecho exatamnete cômico, mas foi um que me chamou a atenção)

Sendo narrada com narrador-onisciente, podemos saber e entender cada um dos personagens, o que nos leva a nos aproximarmos ainda mais deles. Contada de forma que até parece que ela realmente aconteceu em certo período da história. Além de nos passar grandes mensagens. Sinto que algo nesse livro me fez mudar, não só pensar diferente, mas querer agir diferente.

Muitos que vivem merecem morrer. E alguns que merecem viver morrem. Você pode dar-lhes vida? Então não seja tão ávido para condenar à morte em nome da justiça, temendo por sua própria segurança. Nem mesmo os sábios conseguem ver dos dois lados.– Pág. 646

Observando ainda a amizade de Frodo e Sam, Merry e Pippin, e de todos outros, percebemos como estamos pensando só em nós mesmos e não nos outros. Como poderíamos ajudar mais as pessoas que estão perto de nós e parar de nos preocupar só com nós mesmos. E não só isso, mas muitas outras coisas.

Acho que eu poderia ficar falando por anos tudo o que achei desses livros. Com toda certeza indico eles a todas as pessoas, todas mesmo. (E não desanimem por causa do tamanho desse livro, fui eu quem comprou a edição volume único só porque estava mais em conta, risos.)

Classificação: ⭐⭐⭐⭐⭐ (❤) [Favoritado]  

Onde comprar: Amazon (onde adquiri o meu por um pouco menos de R$50,00), Americanas e Submarino.

Espero que tenham gostado! Já leram essa trilogia? O que acharam? 

Beijos e abraços!

Anúncios